Lilithfx

Tenho uma amiga que mora longe demais. Dizem até por ai, que não existe o lugar,rsrs. Estamos sempre a falar por essa coisa chamada internet. Ela gosta de Clarice como quem gosta de chocolate. Tem talento a pequenina para "lutar com as palavras", como diz meu grande poetinha Drummond. Só não deu sorte minha amiga,no quesito amor. A sapa encantada ainda não apareceu em sua vida, ou será que sim,mas na hora e lugar errado? Como sonha minha amiga e no meio dos seus sonhos,tem uma certa melancolia. Só posso dizer pra você,nesse dia especial. Saúde,felicidade e "todo amor que houver nessa vida, e algum veneno antimonotonia" Termino com palavras dela e de Clarice Lispector e uma música que só eu e ela sabemos o que representa.

Sob(re) nados e medos

Não sei nadar. Fico sempre na parte rasa, me segurando nas bordas. Nunca vou ao fundo. Se só se aprende a nadar nadando, Devo me afastar das bordas, E me deixar abraçar pela instabilidade acolhedora da água...
Como é mesmo que se aprende a nadar?




Liberdade é pouco. O que eu desejo ainda não tem nome.
(Perto do Coração Selvagem)

Clarice Lispector



1 Response
  1. Alcione Says:

    Oq fui fazer em cima dessa pedra, fala verdade, vc me obrigou hein kkkkkk//
    Adorei o presente, vou até abstrair a questão da ''lonjura'' hehe
    Enfim, super obrigada, lindo, lindo.Clarice foi um grande achado na minha vida, preciso de doses constantes.Bjuuu


Postar um comentário